Notícia

Mulher e Direitos Humanos

Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos do Estado de Alagoas
Terça, 12 Dezembro 2017 11:47
PRÊMIO NOÉ SIMPLÍCIO

Mulheres Empreendedoras é um dos destaques da Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos

Projeto da Semudh visa à ampliação das oportunidades de renda e emprego para mulheres em situação de vulnerabilidade social

Texto de Sirley Veloso

O projeto Mulheres Empreendedoras, uma das ações desenvolvidas este ano, pela Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh), possibilitou o reconhecimento da secretária Claudia Simões com o Prêmio Empreendedor Noé Simplício.

 

Em sua primeira edição, a honraria é uma iniciativa do Portal Estadão Alagoas, e tem como propósito homenagear as pessoas que contribuíram com o desenvolvimento e o empreendedorismo na cidade de Palmeira dos Índios e em todo Estado de Alagoas. A honraria será entregue nesta quarta-feira (13).

 

O Mulheres Empreendedoras visa à ampliação das oportunidades de renda e emprego para mulheres em situação de vulnerabilidade social e, consequentemente, a quebra do ciclo de violência de gênero, em muitas situações, causado pela dependência financeira.

 

“A autonomia financeira é de extrema importância para a libertação dessas mulheres de um relacionamento abusivo. O reconhecimento por este trabalho realizado à frente da Semudh é realmente muito honroso”, disse a secretária de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos, Claudia Simões.

 

Além da secretária Claudia Simões, também serão homenageados com o Prêmio Noé Simplício, o governador Renan Filho, o vice-governador Luciano Barbosa e a desembargadora do Tribunal de Justiça de Alagoas, Elisabeth Carvalho do Nascimento.

 

A diretora -executiva do Portal Estadão Alagoas, Graziane Duarte, disse que, “o legado deixado por Noé Simplício entrou para a história de Alagoas e nada mais justo do que reconhecer essa abnegação e competência. Acredito que a força e a coragem dele continuam como referência para palmeirenses e alagoanos em geral”.

 

Noé Simplício

 

Natural de Água Branca, município do Sertão alagoano, Noé Simplício Nascimento fixou residência em Palmeira dos Índios. Além de ter sido um grande empreendedor, foi secretário de Estado durante o governo de Divaldo Suruagy, suplente de senador e presidente da Associação Comercial de Alagoas.

 

Chegou a Palmeira dos Índios, aos 23 anos, para gerenciar uma empresa pernambucana, onde iniciou sua trajetória como office-boy. Entre as décadas de 1960 e 1970, Simplício, já empresário e maior distribuidor de açúcar em Alagoas, inovou ao implantar em suas empresas a chamada Teoria Z, na qual dividia os lucros reais com funcionários. Ele faleceu em 2011, aos 87 anos de idade.

 

A solenidade de entrega do Prêmio Empreendedor Noé Simplício acontecerá a partir das 20h, desta quarta-feira (13), no auditório do Cesmac, no bairro Vila Maria, em Palmeira dos Índios. Após a entrega dos prêmios, haverá apresentações do cantor Gilberto Simplício e banda, com a participação da cantora Leureny Barbosa.